Ref. nº 18

E a propósito destes azulejos em meio-relevo lindos, os quais estou agora a fazer amostras para uma eventual produção de réplicas, recebi esta informação da Divisão de Cultura / Unidade de Património e Museologia da Câmara Municipal de Loures, município onde se encontra o Museu de Cerâmica de Sacavém:

“O padrão em destaque, com uma decoração em semi-relevo, surge no catálogo de “Preços Correntes da Real Fábrica de Louça em Sacavém – Azulejo – Gilman & Commandita / Depósito Geral Rua da Prata, 126 a 132 – Lisboa”, datado de Agosto de 1910, com a referência N.º 18 e as medidas de 15,5cm x 15,5cm. Estava disponível em várias cores de vidrado, por sua vez referenciadas por letras, como por exemplo um dos tons em verde tinha o número 18-D e o tom de creme o número 18-G. Este catálogo reunia e compilava, numa só publicação, todos os padrões produzidos e comercializados pela Fábrica de Sacavém, anteriormente disponibilizados aos comerciantes através de folhas soltas com os desenhos propostos para cada aplicação, tais como revestimento de fachadas, de espaços interiores, arquitraves, entre outras.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s