ENGANO

Quando a In Situ me confirmou que contava comigo para fazer mais umas sessenta réplicas para o conjunto azulejar da Igreja da Misericórdia, em Tavira, tratei de ir logo toda contente comprar cerca de setenta chacotas industriais, iguais às outras que eu já tinha utilizado há um ano, na primeira fase da pintura; ou seja,  com 14×14 cm de largura e 0,8 cm de espessura. Lá vim carregada para aqui com uma caixa e meia de chacotas, que era o que perfazia as tais setenta que eu tinha pedido. A caixa inteira entretanto já se acabou e hoje, ao abrir a meia caixa percebi imediatamente o erro: as chacotas têm 15×15 cm! Nem era preciso confirmar, que eu nestas coisas tenho olho clínico e normalmente erro por poucos milímetros. Pelo sim, pelo não, resolvi medir uma e, raios partam!, lá tenho de ir trocar isto! Logo agora que eu já ía toda embalada para as vidrar…

Anúncios

2 thoughts on “ENGANO

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s